Filipe Abrantes em busca de um bom resultado em Tábua

 A vila de Tábua recebe este fim de semana a caravana do Campeonato Centro de Ralis e o Citroen C2 R2  da JMR Competição estará presente na prova organizada pela Escuderia Castelo Branco em parceria com o MK Mákinas.

O Regional Centro regressa assim aos pisos de terra e apesar do abandono em Vouzela, a dupla Filipe Abrantes e Marco Vilas Boas encaram a prova tabuense com optimismo e confiança. “ Em Vouzela a prova não nos correu como desejávamos e tivemos que abandonar mas agora em Tábua temos que terminar e amealhar pontos importantes para o campeonato.”

“Vai ser uma prova difícil e dura devido ao calor que se tem feito sentir e o pó irá dificultar a vida aos pilotos e equipas mas Tábua é uma prova que gostamos muito e queremos aqui amealhar o máximo de pontos e alcançarmos os nossos objectivos o mais depressa possível pois o campeonato está a chegar ao fim”, realçou Filipe Abrantes.

O Rallye de Tábua vai decorrer nos dias 29 e 30 de Setembro, em pisos de terra com inicio na noite de sábado com a dupla passagem pela Super Especial (1,84km) nas ruas da vila e no domingo terá tripla passagem pelos 13,83kms de S. João da Boavista/Candosa e pela dupla passagem por Covas/Midões (8,61km) com o pódio final marcado pelas 15.30

 

A região de Lafões recebeu este fim-de-semana a sétima prova do Campeonato Centro Ralis 2018. À partida para esta prova a dupla Filipe Abrantes e Marco Vilas Boas, aos comandos do Citroen C2 R2 da JMR Competição estava motivada para enfrentar o 5º Constálica Rallye de Vouzela e para disputar a liderança do campeonato, ele que partia com uma desvantagem de 14 pontos para o líder Eduardo Veiga e apenas 3 para o Renault Clio de Diogo Simões.

Após a passagem pela super especial na noite de sábado onde realizou bons tempos a dupla partia ainda mais motivada para o verdadeiro dia de competição mas um toque na segunda especial do dia condicionou a prova.

“Entrámos fortes e ao ataque mas um toque no final da especial Senhora do Castelo deixou mazelas no carro e o abando foi inevitável.”, referiu Filipe Abrantes.

“Apesar de não termos terminado a prova continuamos a liderar a nossa classe, que é o nosso objectivo principal”, disse o piloto de Águeda.

O Campeonato Centro de Ralis prossegue nos dias 29 e 30 de Setembro na vila de Tábua, numa prova organizada pelo MK Mákinas e pela Escuderia Castelo Branco.

PHOTOS: NUNO DINIS PHOTOS

Facebooktwittergoogle_plus

Comments

comments